Juliana Mezzaroba/Estadão
Juliana Mezzaroba/Estadão

Parques e tours para pedalar por Buenos Aires

Há várias possibilidades de roteiros para observar a cidade de outra perspectiva

Juliana Mezzaroba, O Estado de S.Paulo

14 de maio de 2019 | 03h40

Um dia de céu azul deve ser desfrutado próximo à natureza, longe do caos da metrópole. Uma boa pedida é encontrar paz na Reserva Ecológica, um oásis verde no centro dos edifícios modernos de Puerto Madero e da Costanera Sur.

Durante a semana a tranquilidade é garantida, mas, nos fins de semana, artistas de rua, mágicos, cantores, atores de stand up, artesãos e barracas de comida compartilham espaço na grande calçada, sempre cercados de uma multidão. Lá dentro, pedestres e bicicletas circulam pelas quatro rotas distribuídas em 350 hectares. 

Para conhecer a reserva, alugue uma bicicleta na portaria da entrada principal (200 pesos a hora, R$ 18) ou se inscreva no programa Ecobici de compartilhamento de bikes e pegue uma em um ponto próximo. Fecha às segundas e a entrada é gratuita. 

Ao longo do passeio, vê-se os prédios luxuosos de Puerto Madero e o Rio da Prata, com bancos e mesas para piquenique.

 Outro lugar gostoso de pedalar (especialmente com crianças) é o Bosque de Palermo. Bem menor do que a Reserva Ecológica, bastam 30 minutos para dar a volta completa. A vista é bem diferente: ali está o famoso Rosedal, jardim com milhares de roseiras de mais de 100 espécies, além do Planetário recém reformado. 

A cidade, aliás, tem ótima estrutura para bicicletas. Há muitos passeios organizados pela própria prefeitura. É possível pedalar pelo Caminito e conhecer a região por outro ângulo, além de passar por pontos como a Usina del Arte – outro centro no qual vale voltar com tempo. Há ainda tour pelos bairros de Palermo e Recoleta. As visitas guiadas devem ser agendadas pelo site da prefeitura – algumas são grátis e incluem até a bike. Para ver as opções, coloque “bici” na busca do turismo.buenosaires.gob.ar

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.