Mônica Nobrega Estadão
Mônica Nobrega Estadão

Compras e um waffle para se fartar no centro de Vancouver

Sempre tem fila na porta do Café Medina. O motivo é um waffle do diâmetro de um punho fechado, que pode ser acompanhado de calda de chocolate, geleias de frutas, compotas alcoólicas ou um inesquecível doce de leite com toque de sal. Daria para comer meia dúzia – mas as outras tentações do cardápio não deixarão você fazer isso. 

O Estado de S. Paulo

15 Setembro 2015 | 00h01

Antes de conhecê-las, um rápido perfil. O Café Medina é um lugar moderninho, de luminárias industriais, piso de cimento queimado e jovens intercambistas compondo o staff. Serve exclusivamente brunch – daí seu horário de funcionamento, só até as 15 horas. Contra a fila, chegue antes de a fome ficar insuportável, coloque nome na lista, receba a previsão de atendimento e saia para dar uma volta em Downtown.

Logo na esquina está a Robson Street, via de grifes medianas e lojas de departamento de sempre: Armani Exchange, Guess, Tommy Hilfiger, Zara. Para se surpreender, entre pelas portas giratórias do supermercado coreano H-Mart (no número 590). Desista de procurar uma lógica conhecida de organização: sacos de papel com batata doce quentinha, assada agora mesmo, estão ao lado de meias coloridas, maquiagens e máscaras nutritivas para a pele, para passar desenhando um panda no rosto.Outra opção interessante de consumo, a Lululemon é uma grife local de roupas confortáveis, inspiradas na ioga. 

Ao norte está o píer de cruzeiros e o Harbour Green Park, ambos diante da Baía de Vancouver. Fica por ali o Cactus Club Café, com boa comida e clima de balada. É ótimo para o pôr do sol, especialmente se você reservar uma mesa com vista para a baía.

Quando chegar o horário, retorne ao Café Medina. Comece com uma das cinco variedades de cerveja artesanal. Escolher um prato só vai ser difícil: o salmão defumado desfiado com abacate sobre torrada (14 dólares, R$ 40) é delicioso; a paella de ovo (15 dólares, R$ 43) com legumes, linda; e o sanduíche de peameal bacon (14 dólares, R$ 40) é o lanche típico do Canadá. Para encerrar a refeição, claro, o famoso waffle e o ótimo café expresso. Porque a vida é muito curta... Bem, você sabe.

Leia mais: Como usar bem suas milhas

Mais conteúdo sobre:
Vancouver Canadá Viagem

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.