Porto aqui, Gaia da ponte para lá

A cidade do Porto tem uma vocação indiscutível para cartão-postal. A ponte Dom Luís I, que liga o Porto à Vila Nova de Gaia, emoldura uma cidade histórica, repleta de monumentos e dona de uma noite agitada, com ótimas opções gastronômicas. Além das caves de vinho do Porto, o tesouro da região.

O Estado de S.Paulo

15 Janeiro 2013 | 02h12

A segunda maior cidade de Portugal existe desde os tempos romanos e sempre foi rota comercial. Viveu alguns ciclos de desenvolvimento, mas o comércio de vinhos foi essencial para sua consolidação como destino turístico europeu. Toda a produção do Douro chegava à cidade nos rabelos, barcos de calado curto que ainda são vistos na beira do rio, mas só para compor as fotografias. Nas caves da Vila Nova de Gaia, a bebida era envelhecida, engarrafada e seguia para os mercados.

Hoje, os vinhos podem ser engarrafados nas quintas, mas muitas caves ainda estão por lá - e provar a bebida nesses locais é parte importante da estadia. É também de Gaia que se tem a melhor vista, com a proeminência do antigo Palácio Episcopal, a Igreja da Sé e a Torre dos Clérigos.

Já no lado do Porto, o cais da Ribeira concentra bares e restaurantes. Guarde a preguiça no bolso e se embrenhe pelas íngremes e estreitas vielas, desviando aqui e acolá dos varais com roupas na calçada. Um achado é o restaurante A Grade (Rua de S. Nicolau, 9, uma via escondida perto da Igreja da Misericórdia). Não esqueça a Estação São Bento, de 1916, com azulejos de Jorge Colaço que narram histórias de Portugal.

Ao cair da noite, a Ribeira é convidativa aos turistas, mas para conhecer a badalação dos moradores o local certo é a parte alta da cidade. As travessas da Rua dos Clérigos, perto da universidade, têm bares e casas noturnas sempre lotados nos fins de semana. Até caipirinha de vinho do Porto tem por lá. Mas vale mais a pena bebericar um Porto legítimo, a € 7. / P.S.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.