Mônica Cardoso/Estadão
Mônica Cardoso/Estadão

Praia no outono: Búzios

Envie sua pergunta para viagem.estado@estadao.com

Ricardo Freire, O Estado de S. Paulo

16 Maio 2017 | 03h00

Um dos destinos brasileiros mais procurados por estrangeiros é visitado por menos brasileiros do que deveria. A falta de voos diretos e a inexistência de resorts ou pacotes contribuem para isso – mas também ajudam a manter o jeito de balneário mediterrâneo que torna Búzios tão charmosa. O outono e o inverno são secos; Búzios nesta época é um destino perfeito para quem não precisa de 30 graus para ir à praia.

Voando. A Azul voa 4 vezes por semana a Cabo Frio, via Belo Horizonte. Do aeroporto de Cabo Frio, um táxi leva 45 minutos a Búzios (a corrida, feita pelo taxímetro, deve ficar entre R$ 120 e R$ 150).

Via Rio. A viação 1001 tem quatro ônibus por dia saindo do aeroporto do Galeão direto a Búzios (3 horas de viagem; compre pelo telefone 4004-5001, porque o Galeão não está incluído no motor de busca do site da empresa). Da Rodoviária Novo Rio (a 30 minutos de táxi ou frescão do Galeão, ou 28 minutos de VLT do Santos Dumont) saem mais oito a dez ônibus por dia. A Humaitá (linebuzios.com.br) tem transfers em ônibus e vans que passam nos dois aeroportos. De carro alugado, dá um pouco menos de 3 horas; se você alugar no Santos Dumont, não vai precisar pegar a Linha Vermelha.

Vai por mim: de domingo a quinta. Quer experimentar o melhor de Búzios e ainda pagar menos? Durante a semana, fora de temporada, a densidade de visitantes é mínima. Você se sentirá dono das praias, não vai enfrentar filas em restaurantes, e o que é melhor: vai conseguir tarifas promocionais nas pousadas. (Faça reservas canceláveis e volte a pesquisar pertinho da data: você pode encontrar preços simpáticos até nas pousadas mais badaladas.)

Evite feriados. Nos feriados Búzios fica lotada com visitantes do Rio e de cidades próximas. Prefira passar os feriados no Rio (a cidade fica uma delícia), indo a Búzios antes ou depois, durante a semana.

Sem carro. É possível – desde que você se hospede na área central, entre a Rua das Pedras e a Praia dos Ossos (a melhor localização é o Morro do Humaitá, a meio caminho). Você poderá ir às praias da Azeda, Azedinha, João Fernandes, João Fernandinho e Tartaruga de aquatáxi (entre R$ 7 e R$ 30 por passageiro). As corridas de táxi são tabeladas: R$ 20 na área central e R$ 30 a praias como Geribá, Ferradurinha ou Brava. Vans também percorrem as vias principais por R$ 2,80, mas depois de saltar será preciso caminhar entre 10 e 20 minutos para chegar à maioria das praias.

+ MAIS SOBRE O RIO DE JANEIRO

Confeitaria Colombo homenageia Jane Austen

Feriadão de carro? Pense na Barra

Região dos Lagos: em um fim de semana ou em muitos dias

Mais conteúdo sobre:
Cabo Frio Rio de Janeiro Brasil Viagem

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.