Punta Cana oferece muita mordomia ao sol

A praia convida o turista a 'lagartear' o dia todo, mas há também uma infinidade de atividades para quem não aguenta ficar parado no sol

Renata Gallo, Especial para O Estado

29 Outubro 2014 | 20h00

Da espreguiçadeira na areia da praia ou de dentro da piscina do hotel vê-se a fileira de coqueiros que recobre o mais famoso balneário da República Dominicana. No horizonte, o mar do Caribe, quase transparente. Tudo em Punta Cana convida a lagartear ao sol.

Com uma robusta variedade de resorts, mais de 40 opções, é ideal para viajantes sem pressa, que querem desfrutar de hotéis confortáveis - e suas mordomias - e ver a vida acontecer, como cantava Tim Maia, em Um Dia de Domingo. Punta Cana, aliás, é especialista em ofertar semanas inteiras de domingos. Destino perfeito para casais em lua de mel e famílias de férias, em busca de sol. Grupo de turistas distintos, claro, mas os resorts, profissionais que são, sabem bem.

Por isso, muitos deles no mesmo complexo, contam com hospedagens sob medida para cada público. É o caso da rede Barceló (barcelo.com), que tem quatro propriedades, incluindo uma só para adultos, o resort Barceló Bávaro Beach. Dentro do Paradisus Palma Real Golf & Spa Resort, da rede Meliá (melia.com), há a opção de se hospedar em um hotel-boutique, apenas para maiores de 18 anos. Com serviços de luxo, incluindo mordomo, o espaço tem piscina e praia privativa.

Os dois resorts cinco estrelas ficam em um dos pontos mais privilegiados de Punta Cana, a Praia de Bávaro. Mas a orla toda é tomada por resorts, um ao lado do outro, e praticamente todos com sistema all-inclusive. Os resorts contam com um sem-fim de atividades, que vão desde as manjadas aulas de ginástica, até práticas de ioga, golfe, kitesurfe, caiaque, mergulho e, na sessão relax, spa, boates, shows noturnos e cassino.

Com hotéis confortáveis, areia fina e mar turquesa protegido por barreiras de corais, só resta curtir o sol.

Escolha seu pedaço preferido na areia de Búzios

Brigitte Bardot bronzeada continua sendo a cara de Búzios. Não só pela estátua à beira-mar ou pela orla com seu sobrenome, mas porque a cidade na Região dos Lagos, no Rio, transpira sensualidade. A atriz francesa, que passou quatro meses em Búzios nos anos de 1960, nunca mais voltou. Azar o dela. As 11 praias de Búzios seguem lindas.

A cidade é pequena, mas o litoral, espalhado. De carro, a vantagem é o conforto. A desvantagem é que nem todas as praias têm estacionamento ou vaga. Quem não quer se preocupar pode pegar táxi ou van no centro. Passa a toda hora e percorre a península inteira.

Do centro dá para ir a pé até a Rua das Pedras, onde estão lojas e o agito noturno, e até a Praia dos Ossos, Azeda e João Fernandes. Tem praia de diversos estilos. Geribá é a mais badalada, já Ferradura, de mar calmo, boa para crianças.

Tão variada quanto a orla é a oferta gastronômica. O Menu Búzios (menubuzios.com) organiza os restaurantes por cozinha e também indica o mais perto da praia, para a hora que a fome bater.

Mais conteúdo sobre:
ViagemPunta Canaférias

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.