Receitas da 'mamma' e releitura de sabores

Massa, frango e polenta continuam compondo a base da gastronomia da Serra Gaúcha. Mas uma nova geração de chefs vem inovando, fazendo releituras das clássicas receitas da mamma, sempre pensando na harmonização com os vinhos.

BENTO GONÇALVES, O Estado de S.Paulo

13 Novembro 2012 | 02h12

Em Bento Gonçalves, o restaurante Valle Rústico (54-3459- 1162; vallerustico@gmail.com; abre de quinta-feira a sábado) mescla a influência italiana com as gastronomias argentina e uruguaia. O chef e proprietário Rodrigo Bellora, de 27 anos, aproveitou uma antiga propriedade da família, toda de madeira, e a transformou em um espaço aconchegante, de onde se pode admirar a paisagem. O menu com entrada, salada, dois pratos e sobremesa custa R$ 68.

No cardápio, massas, risotos, javali, cordeiro, coelho e cogumelos. Parte dos ingredientes é plantada na propriedade. "Só trabalhamos com orgânicos. Quando falta alguma coisa a gente vai lá fora e pega", diz Bellora.

A tradicional cozinha italiana é a seara de atuação do Belvedere Sonda, em Nova Pádua, cidadezinha de 2,5 mil habitantes a 55 quilômetros de Bento Gonçalves. O restaurante é panorâmico, no topo de um penhasco a 460 metros de altura, de onde se admira a paisagem cortada pelo Rio das Antas. Por R$ 30, é servido um farto cardápio que começa com a tradicional sopa de agnolini, seguida por muito frango, polenta, churrasco e massas. Reserve: (54) 3296-1745.

Para grupos, uma boa opção é almoçar ou jantar nas próprias vinícolas. Com reserva, a maioria elabora pratos feitos para ressaltar o sabor dos vinhos da casa.

Queijo. Na Queijaria Valbrenta (queijariavalbrenta.com.br),o queijo de mais sucesso é o itálico ao vinho (R$ 49 o quilo). Outra iguaria concorrida é o salame de javali (R$ 75 o quilo) - a degustação é gratuita. / ARTUR RODRIGUES

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.