Rede de ônibus, carros alugados e táxis em extinção

A dúvida que tira o sono de quem vai para Malta é escolher um meio de transporte. Já que o táxi é caro e parece um veículo em extinção, o candidato favorito é o ônibus. Confortável e barato, vai a qualquer lugar. Outra vantagem é poder sair à noite e beber umas e outras sem se preocupar em dirigir até o hotel. O inconveniente é que o ônibus sobe e desce o terreno acidentado da ilha e passa por paisagens deslumbrantes. Portanto, é bom se acostumar com a frustração de não poder parar para admirar e fotografar os lugares.

Cristiano Dias, O Estado de S.Paulo

05 de junho de 2012 | 03h21

O carro alugado não tem esse problema. É barato, se comparado com outros países europeus. Com ele, é possível ir a qualquer canto, a qualquer hora. Mas há uma dificuldade: a mão inglesa dá nó na cabeça do mais beato dos motoristas. Dirigir pelo outro lado é desagradável e exige atenção. Mesmo quem está habituado não escapa, porque sempre tem um turista relaxado seguindo pela contramão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.