Restaurantes - Ao gosto do freguês

Joël Robuchon

Adriana Moreira e Bruna Tiussu - O Estado de S.Paulo,

12 Março 2012 | 22h14

joel-robuchon.net

Comer no único restaurante com três estrelas Michelin na cidade é mais que uma refeição: trata-se de uma experiência. A começar pelo ambiente inspirado na França dos anos 1920, com longas cortinas de veludo lilás, sofás e lustres de cristal. Os pães quentinhos e os queijos - disponíveis durante toda a refeição - são irresistíveis, mas controle-se. Especialmente se sua opção for o menu degustação com 16 pratos (US$ 425). Cada um que chega à mesa rende suspiros, pelo sabor e apresentação. Como o bacalhau (foto), que vem com folhas de ouro. Fica no MGM Grand, onde há outra opção assinada por Robuchon, mais informal: o L’Atelier. Faça reserva em ambos.

China Poblano

chinapoblano.com

Se você acha que China e México não têm nada em comum vai mudar de ideia ao pisar no China Poblano. Na decoração, rodas de bicicleta suspensas no teto, cores fortes e painéis com imagens de ícones dos dois países, como Mao Tsé Tung e Frida Khalo. Os sabores não decepcionam: há típicos tacos (desde US$ 4,50) e dim sum (desde US$ 10,88, com seis), drinques clássicos (margarita, claro, não poderia faltar) e chás variados. De sobremesa, a curiosidade manda pedir o guerreiro de Xian feito de chocolate, com banana caramelada (US$ 15,88).

Sinatra

wynnlasvegas.com

O clássico menu italiano ganha destaque com pratos inspirados nas preferências do cantor. O espaguete que leva seu nome, ao molho de tomate, alho e moluscos, sai por US$ 29. Na decoração, simples, mas refinada, há retratos de Sinatra e alguns de seus prêmios, como o troféu do Emmy que ganhou em 1967.

SushiSamba

sushisamba.com

Com unidades na Strip e no Pallazzo, a casa segue a receita que é sucesso em Miami, Nova York e Chicago: ambiente descontraído como o de um bar e menu que mistura sabores: há frutos do mar, sushi e até espetinhos de churrasco - aposte nos petiscos, ao preço médio de US$ 15.

Paradise Garden Buffet

flamingolasvegas.com

O esquema pague e coma o quanto quiser é marca registrada de Vegas. Vale para o café da manhã, almoço ou jantar. O Paradise Garden do hotel Flamingo é um dos clássicos - destaque para a vista de grande parte das mesas, que dá para os jardins e riachos onde ficam os flamingos. O café da casa, com nada menos de 60 pratos, sai por US$ 15,99.

Baladas - Glamour com néons

XS

xslasvegas.com

O ambiente da balada mais pomposa do Wynn segue a lógica aquática do espetáculo Le Rêve, com decoração leve que faz uso de vários jogos de luz com tons azuis. A pista principal - comandada por DJs ecléticos - é coberta, cercada por mesas para frequentadores vips e espaços que mais parecem balcões onde garotas animadas sobem para dançar. Há ainda uma parte externa ao redor da piscina, bem concorrida durante o verão.

Gallery Nightclub

gallerylv.com

Nas paredes, fotografias gigantes ao melhor estilo voyer dão um toque divertidamente sexy à casa inaugurada no ano passado, no Planet Hollywood. Lustres e muitos néons - sempre eles - completam o astral tão característico das baladas de Vegas. No comando das picapes, DJs famosinhos tocam de house a hip-hop.

Chateau

chateaunightclublv.com

São dois andares de balada, estrategicamente localizados entre os jardins franceses do Hotel Paris. A decoração luxuosa e o terraço ao ar livre - com panorâmica privilegiada da Strip -, com direito a pista própria, são de deixar o visitante boquiaberto.

Insert Coin (s)

insertcoinslv.com

É o novo point do Fremont East District, no centro de Las Vegas. Conta com ambientes para diferentes públicos: há o Beta Bar, com cervejas locais e internacionais, cabines turbinadas com gigantes TVs e videogames, além da pista de dança, novamente decorada com néons e comandada por um DJ.

Shows

Cirque du Soleil

cirquedusoleil.com

A trupe conta com sete espetáculos na cidade, para públicos de gosto variado. Para ver um Cirque du Soleil clássico, escolha Mystère, no hotel Treasure Island, ou Kà, no MGM Grand. The Beatles Love (Mirage) e Viva Elvis (Aria; na foto maior) foram feitos na medida para os fãs desses ícones - há menos acrobacias e mais músicas, tudo com muita beleza. Believe, espetáculo do ilusionista Chris Angel no Luxor, é outro que foge do tradicional. De cunho erótico, Zumanity (New York New York) se parece com um elegante cabaré, repleto de corpos torneados e contorcionismo.

Mas se quiser ficar mesmo boquiaberto, O, no Bellagio, é cheio de surpresas. O cenário mescla trampolins e uma piscina para performances. Espere saltos espetaculares e muito mais.

Le Rêve

wynnlasvegas.com

Aqui, não se trata de uma piscina, mas de um palco totalmente aquático. O teatro do Wynn, casa do Le Rêve, é tipo um teatro de arena, onde não há lugar ruim. As cores vibrantes, músicas e impressionantes acrobacias, ora delicadas como um balé, ora dinâmicas típicas dos ginastas, prendem o olhar do início ao fim. De sexta à terça-feira, às 19 horas ou 21h30. Ingressos desde US$ 105.

Blue Man

blueman.com

Os homenzinhos azuis se apresentam a cada noite no The Venetian, num show que encanta pela mistura de humor, música e dança. Vale lembrar que quem ocupa as primeiras fileiras costuma ser convidado a certa interação em cima do palco. Os ingressos custam desde US$ 74,90.

Shows no The Colosseum

caesarspalace.com

Não é exagero dizer que a casa já é praticamente o segundo lar de alguns artistas: Celine Dion, Elton John e Rod Stewart (no detalhe) estão em temporada lá desde o ano passado, e ali permanecem até meados de 2013, subindo ao palco do teatro do Caesars Palace em média três vezes por semana. A partir de dezembro, mais uma estrela se juntará ao elenco: a cantora Shania Twain. Entradas custam desde US$ 55.

Mais conteúdo sobre:
Las Vegas

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.