Reviravolta: Bariloche reabre

Somos um casal de mais de 70 anos e queremos ir ao Parque Yosemite, na Califórnia. Dicas? (Sorin, São Paulo)

RICARDO , FREIRE, O Estado de S.Paulo

17 Janeiro 2012 | 03h09

A época seca vai de abril a outubro; para não pegar muito frio nem gente demais, é melhor ir em maio, junho ou setembro. Agências oferecem passeios desde São Francisco, a 4 horas de distância - evitem, é um programa cansativo. O melhor é se hospedar próximo à entrada e aproveitar o sistema de transporte do parque ou os tours de ônibus. Reserve hotel em staynearyosemite.com.

Quero dar uma viagem de compras para minha mãe, mas ela não gosta de shoppings. Para onde? (Vitor, São Paulo)

Um destino fácil e glamouroso é Istambul, na Turquia, com seu Grande Bazar. Na França sua mãe pode fazer o roteiro dos mercados de pulgas e brocantes (feirinhas), começando em Paris (Porte de Clignancourt) e depois continuando pela Provença (Aix, Isle-sur-la-Sorgue). Se ela não teme o frio, dezembro na Alemanha ou na Áustria é o paraíso, com seus inúmeros mercados natalinos.

Depois de oito meses acompanhando o vaivém das cinzas do Vulcão Puyehue, eu já deveria saber que nenhuma notícia sobre o acesso a Bariloche pode ser considerada definitiva. Não deu outra: foi só eu repercutir aqui o pessimismo da cidade com relação à reabertura do aeroporto que as companhias aéreas resolveram repentinamente retomar os voos. LAN e Aerolíneas se convenceram de que a concentração de cinzas é compatível com suas normas de segurança e já pousaram em Bariloche na última sexta-feira, dia 13. Com os aviões, volta a esperança de que a temporada de inverno de 2012 transcorra normalmente. De todo modo, vale a pena acompanhar o noticiário no site anbariloche.com.ar.

* Acompanhe o caminho do colunista

em viajenaviagem.com. Esta semana,

Ricardo Freire está em São Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.