Roteiros para fanáticos pela bola

Programas inspirados no futebol ganham fôlego com a onda Ronaldo

Camila Anauate, O Estado de S.Paulo

31 Março 2009 | 02h42

Eis que Ronaldo aparece horas antes da partida. Ele e metade do time do Corinthians. E você, torcedor, tem meia hora para pedir autógrafo, conversar, fotografar... Oportunidade única. Nem os rivais querem perder esse encontro.

 

Saia da arquibancada: torcedores ficam em área vip e encontram atletas no pacote da Timão Tur

Ronaldo é mesmo um fenômeno. O grande investimento alvinegro dentro e fora de campo. Porque com a equipe reforçada, o clube pode ganhar mais com produtos turísticos como o Dia do Jogo, o encontro marcado com os atletas, e o navio do centenário, aposta para 2010.

"Até quem não é corintiano participa do Dia do Jogo. Só por causa do Ronaldo", comenta Eduardo Colombi, diretor do Grupo Viagem e da agência Timão Tur. A empresa é especializada em produtos turísticos relacionados ao Corinthians.

O pacote do Dia do Jogo leva os torcedores na concentração da equipe horas antes da partida. Depois da conversa com os jogadores, a galera segue para o estádio, onde assiste à partida em uma sala vip. A agência também organiza viagens para quem quer acompanhar o clube em jogos fora de São Paulo.

Mas a viagem mais comentada do momento é o cruzeiro do centenário. Uma festa corintiana em alto-mar, de 25 a 28 de fevereiro de 2010. O navio Costa Concordia passará por Santos, Ilhabela e Búzios e terá atrações temáticas e shows. Alguns jogadores, claro, estarão lá.

QUATRO GRANDES

Outras agências decidiram investir no futebol como produto turístico. A Futebol Tour tem opções relacionadas aos quatro grandes times paulistas: Corinthians, Palmeiras, Santos e São Paulo. A empresa começou com um serviço receptivo - transporte, tour nos estádios e ingresso para os jogos - e agora monta roteiros para jogos no Brasil e no exterior.

A Olympia Cruzeiros também resolveu apostar no esporte. Fãs de Pelé certamente não vão perder o Pelé?s Cruise, um roteiro pelo Mediterrâneo a bordo do Costa Serena. O navio partirá de Veneza em 28 de junho e passará por portos da Grécia e da Croácia antes de voltar à Itália, em 5 de julho. Feijoada, caipirinha, futebol e shows de Toquinho e Alexandre Pires estão na programação. O coquetel de boas-vindas com Pelé também.

Até os acampamentos para crianças apostam no turismo esportivo. Todo julho - neste ano, entre os dias 19 e 25 -, profissionais do Milan vêm ao País para "treinar" brasileirinhos. O Milan Junior Camp será realizado no Oscar Inn Eco Resort, em Águas de Lindoia, e promete formar muitos craques durante as férias.

linkTimão Tur: www.timaotur.com.br. Dia do Jogo: R$ 430

linkNavio do Centenário: www.naviodocentenario.com.br. A partir de US$ 650

linkFutebol Tour: www.futeboltour.com.br. Pacotes receptivos de R$ 190 a R$ 220

linkPele's Cruise: www.pelecruise.com. Preço por pessoa, em cabine dupla, a partir de 1.300

linkMilan Junior Camp: www.milanjuniorcamp.com.br. Acampamento por R$ 2.010

NOS ESTÁDIOS

Aproveite a ida aos estádios paulistas para conhecer museus, memoriais, salas de troféus e bares dedicados aos clubes. A atração do momento é o Museu do Futebol, no Pacaembu (www.museudofutebol.org.br), cujo acervo conta com fotografias, depoimentos, vídeos e entrevistas sobre a história do esporte no Brasil. São 15 salas temáticas, entre elas, Copa do Mundo, Pelé e Garrincha e Gols - esta narra os gols mais importantes da história do futebol brasileiro. O local abre de terça-feira a domingo, das 10 às 17 horas, e custa R$ 6. No Morumbi, a pedida é o Santo Paulo (www.santopaulobar.com.br), bar temático que tem mesas em formato de campo de futebol de botão, além de uma vista panorâmica para o gramado. Abre de quarta-feira a domingo, das 12 às 24 horas. Ainda no Morumbi, e também no Parque Antártica, no Parque São Jorge e na Vila Belmiro, os torcedores podem visitar memoriais repletos de troféus, fotos, flâmulas, uniformes antigos e outros itens que lembram as glórias dos times.

Mais conteúdo sobre:
Viagem estádio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.