Tequila contra todos os males

"Tudo se cura com tequila", repetem, incansavelmente, na Riviera Maia. Ainda que não tenha nenhuma dor física (ou de amor) para a qual buscar remédio, o turista não pode deixar de provar ao menos uma dose da bebida mexicana. E, na seqüência, doses generosas da movimentada noite local. A tequila vem primeiro, para animar. Bebê-la é um ritual no Tequila Barrel (www.tequilabarrel.com), com exatas 83 variações no cardápio. Em dúvida sobre qual escolher, peça ajuda a um garçom e ganhe imediatamente um amigo. Os bares ficam enfileirados na Quinta Avenida e em suas transversais. Guias turísticos e hotéis costumam recomendar o Señor Frog?s (www.senorfrogs.com). Mas, na realidade, há pouco por lá além de adolescentes fazendo coisas típicas da idade e de cerveja morna em copos de plástico gigantes. A balada que você de fato não pode deixar de conhecer em Playa atende por Blue Parrot Beach Club (www.blueparrot.com). Vista um modelito leve, calce sapatos baixos, fáceis de tirar, e vá até o fim da Calle 12. O Blue Parrot fica na areia e atrai gente de todas as idades graças aos vários ambientes. Caso esteja no time dos singles, faça tipo: peça um drinque no bar e siga para os sofás do lounge colorido. Casais podem curtir um clima romântico no andar de cima do terraço de frente para o mar. Depois, todos se encontram na pista de dança entre as palmeiras, ao som de um variado repertório selecionado com o objetivo de fazer dançar muito. Duvido que você lembre onde deixou os sapatos no fim da noite.

Mônica Nóbrega, O Estado de S.Paulo

09 Dezembro 2008 | 03h11

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.