Tocantins

Quem procurar no mapa o Parque Nacional do Xingu, vai encontrá-lo no norte de Mato Grosso. No entanto, para visitar os locais onde foram filmadas as cenas mais emblemáticas de Xingu (2012), de Cao Hamburger, que conta a saga dos irmãos Villas-Boas, é preciso ir ao Tocantins. Mais especificamente, à região do Jalapão, a cerca de 300 quilômetros da capital, Palmas.

O Estado de S.Paulo

19 Novembro 2013 | 02h18

Ainda muito natural, o Parque Estadual do Jalapão reúne uma diversidade de paisagens que encantaram a produtora do filme, Andrea Barata Ribeiro. "Optamos por fazer parte do filme lá, pois queríamos ficar o menos possível dentro do Xingu para causar o menor impacto. Uma equipe de cinema não costuma ser coisa pequena", explica.

Segundo ela, os espetáculos visuais que a natureza oferecia eram diários: "Os pores do sol mais lindos que já vi, revoadas de araras, tucanos e papagaios". As filmagens ocorreram na região de São Félix, nas áreas do Morro da Catedral e do Sapato, além dos belíssimos Rios Novo e Sono. Sem contar a deliciosa Cachoeira da Velha, ponto clássico de parada dos turistas.

Chegar ao Jalapão tem, sim, gostinho de aventura. Mas não chega a ser uma experiência radical. As operadoras oferecem pacotes o ano todo, mas a melhor época para visitar a região é mesmo de maio a setembro, durante o período de seca.

Com a vantagem de ter trabalhado como motorista durante as filmagens, o guia Genival Vieira Filho (63-9283-2545) cobra diárias de R$ 150 para conduzir os visitantes aos pontos exatos das locações.

Para explorar a região em detalhes, operadoras como a Korubo (korubo.com.br) organizam acampamentos confortáveis, com direito a cama, chuveiro e refeições elaboradas. O pacote terrestre de seis noites custa desde R$ 1.980. Na operadora local Rota da Iguana (rotadaiguana.com.br), há roteiros a partir de três dias com preço desde R$ 1.250.

Outra opção para conhecer cantinhos ainda mais escondidos do parque é a expedição de rafting realizada pela Venturas (venturas.com.br). O pacote de sete noites custa desde R$ 3.160.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.