Nathalia Molina @ComoViaja
Nathalia Molina @ComoViaja
PUBLICIDADE

Universal ganha atração com 12 segundos de gravidade zero

Montanha-russa ‘jurássica’ está entre as novidades da temporada; há também novos shows para as crianças

Nathalia Molina, Especial para o Estadão

14 de junho de 2022 | 05h01

Um dos parques de Orlando mais queridos entre os brasileiros, o Islands of Adventure (onde ficam as atrações de Harry Potter) espera os viajantes em 2022 com uma montanha-russa revolucionária no mundo de Jurassic. No mesmo complexo, o vizinho Universal Studios Florida chega ao verão norte-americano com novos shows voltados às crianças pequenas, com personagens fofos da DreamWorks e atores misturados a um tanto de tecnologia na atração dedicada a Jason Bourne. Fora dos parques da Universal, a empresa inaugura ainda este ano duas salas de escape no CityWalk, espaço com entretenimento, lojas e restaurantes.

No Islands, a Jurassic World VelociCoaster surpreende até os fãs de adrenalina. A nova sensação da Universal combina dois lançamentos (o mais rápido alcança 112 km/h em apenas 2,4 segundos) e 12 segundos de sensação de gravidade zero (quando você descola da cadeira) em quatro momentos do percurso, que somados dão 30 metros de trilhos. E ainda tem uma volta de 360 graus acima da lagoa do parque.

“É uma super montanha-russa, que conta uma história, você está numa corrida com os velociraptors dos filmes do Jurassic World. Na fila, já há alguns momentos de interação com dinossauros”, contou Marcos Barros, vice-presidente de Vendas e Marketing da Universal Parks & Resorts para América Latina, em entrevista ao Estadão durante o IPW 2022, principal evento do setor de turismo dos Estados Unidos, realizado em Orlando no início de junho. “Na VelociCoaster, a manobra conhecida como cartola, quando a montanha-russa sobe e depois vem uma queda radical, tem um ângulo de 80 graus. É o mais íngreme da Universal.”

Em busca de algo não tão radical, mas repleto de emoção? Vá rumo ao The Wizarding World of Harry Potter. Lá, Hagrid's Magical Creatures Motorbike Adventure guarda deliciosas surpresas no trajeto. A meninada mais novinha se diverte em Flight of the Hippogriff, uma iniciação ao mundo das montanhas-russas.

As duas atrações ficam diante do Castelo de Hogwarts, com show de luz e som toda noite. Dentro dele, o simulador Harry Potter and the Forbidden Journey é indispensável para os fãs da saga criada pela escritora J.K.Rowling. É para se sentir dentro dos filmes, assim como no Hogwarts Express, trem que liga as duas áreas do bruxo nos parques: Hogsmeade, no Islands of Adventure, e Diagon Alley (Beco Diagonal), no Universal Studios Florida. Saiba o que ver de Harry Potter nos parques da Universal.

Filmes como inspiração 

Os novos shows do Universal Studios Florida atendem públicos diferentes. A criançada dança e tira fotos com personagens no Dreamworks Destination. No palco, se revezam figuras como Alex, o leão de Madagascar, e Poppy, a boneca rosinha de Trolls. Para os pais, também é um momento de descanso da andança no calor no parque, sentados nos bancos de madeira, no ar-condicionado.

“Durante a pandemia, a gente abriu o melhor show de Orlando disparado, The Bourne Stuntacular. É uma tecnologia de ponta, com realidade aumentada e projeção mapeada. O palco se mexe. Chega a um ponto em que você não sabe mais se está assistindo à tela de LED ou se está vendo os atores ao vivo no teatro”, descreveu Barros.

Inspirado no filme de Steven Spielberg, o clássico E.T. Adventure vale pela nostalgia de estar numa das bicicletas do filme de Steven Spielberg, na companhia do extraterrestre mais doce desta Terra. É a única atração ainda em funcionamento desde a abertura do Universal Studios Florida, em 1990.

Como os Estados Unidos permaneceram fechados para brasileiros até novembro do ano passado, essas atrações são novas para muita gente. Para visitar o Islands of Adventure, o Universal Studios Florida e o aquático Volcano Bay, o ingresso 3-Park Explorer custa US$ 369,99. Até 30 de junho, para compra só em agências de viagem, a entrada para os dois parques temáticos sai por US$ 293,99 (com uso até 15 de dezembro deste ano). Ontem, a empresa anunciou outra atração, o Universal’s Great Movie Escape no CityWalk. Com duas salas, oferecerá missões desafiadoras inspiradas nos filmes Jurassic World e De Volta ao Futuro, criadas pela equipe responsável pelo Halloween Horror Nights.

Entre as novidades no complexo também está o Dockside Inn and Suites. Aberto durante a pandemia, como parte do Universal's Endless Summer Resort, o hotel está entre as opções de acomodação econômica em Orlando.

Brasileiros em Orlando

Antes da pandemia, o Brasil era o terceiro principal mercado internacional de Orlando, atrás de Canadá e Reino Unido. O setor de turismo local espera grande número de viajantes do Brasil em 2022, ainda mais sem a exigência de teste de covid para entrar nos Estados Unidos. A mudança já era esperada desde o início da semana passada. No IPW 2022, feira em Orlando, vários representantes do setor turístico falaram sobre a pressão exercida para que a exigência caísse. A medida foi anunciada na sexta, 10, e vale desde domingo, 12. Continua sendo necessário comprovar vacinação contra a covid.

Após o anúncio, Roger Dow, presidente da US Travel Association (instituição que organiza o IPW), afirmou numa nota divulgada à imprensa que, sem o teste entre os requisitos para a viagem, são esperados mais 5,4 milhões de visitantes estrangeiros e US$ 9 bilhões em gastos com viagens nos Estados Unidos ainda em 2022. “A notícia veio bem para a temporada de verão”, comemorou Casandra Matej, presidente e CEO do Visit Orlando, que espera chegar aos 80 milhões de visitantes em 2024. “Sabemos que os brasileiros têm muita afinidade com Orlando, então estamos otimistas de que, sem a exigência de teste, a recuperação vai continuar progressivamente”.

Encontrou algum erro? Entre em contato

PUBLICIDADE

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.