Viagens de balão

Capadócia. Já é um clássico.

O Estado de S.Paulo

18 Agosto 2009 | 02h26

Todo mundo quer ver do alto as rochas esculpidas pelo tempo no formato de chaminés. Os voos mais baratos saem 160 por pessoa; os de luxo, com champanhe, 250 (goremeballoons.com).

Rajastão. Um outro caminho das Índias. Paire sobre o entardecer de Udaipur, a mais romântica das cidades, desde US$ 200 (skywaltz.com).

Serengeti. Não há melhor lugar para observar a migração em massa dos gnus do que a bordo de um balão

acima das planícies da Tanzânia. Custa US$ 500 (safariballoons.com).

Luxor. Bancar o faraó por uma manhã sobrevoando o Vale dos Reis sai a US$ 170 (magichorizon.com) .

Melbourne. Que tal voar sobre uma metrópole? Ver Melbourne do alto custa US$ 290; há também passeios pelo Vale de Yarra (hotairballoning.com.au).

Vale do Loire. Veja mais castelos de ângulos impressionantes - incluindo o mais bonito deles, Chenonceaux. Por 185 (france-balloons.com).

Vale de Napa. Os passeios sobre os vinhedos da Califórnia incluem um brunch com champanhe ao descer. Por US$ 195 (balloonrides.com).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.