10 lugares bons e baratos para morar pelo mundo
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

10 lugares bons e baratos para morar pelo mundo

amandanoventa

07 Fevereiro 2016 | 22h29

Se você quiser passar um tempo morando em outro país se divertindo e trabalhando de forma independente, a melhor maneira de saber para onde ir é perguntando a um nômade digital. Caso você não saiba, nômades digitais são pessoas que moram em países diferentes de sua origem para viver e trabalhar por um tempo (o trabalho é possível graças à internet).

Já conheci alguns desses nômades por aí e posso dizer que, como uma comunidade, eles costumam morar nos mesmos lugares que, na maioria das vezes, são baratos, divertidos e com bom wi-fi. E para facilitar a vida dessas pessoas, um site chamado Nomad List compila o review e ranking de lugares pelo mundo feito pelos próprios nômades, baseado numa série de indicadores importantes para suas vidas.

Montei abaixo uma compilação dos lugares melhores ranqueados no site de acordo com o clima, diversão, qualidade do wi-fi, segurança e custo (morando até 3 meses, dormindo em lugares baratos, comendo fora 3 vezes ao dia).

1. Chiang Mai e Bangkok – Tailândia


Chiang Mai, no interior da Tailândia, tem uma grande comunidade nômade. Aliás, a Ásia é grande destaque entre os nômades digitais por ser barata e proporcionar uma experiência cultural intensa.

Custo Chiang Mai: US$1134/mês

Custo Bangkok: US$1522/mês

Foto: Amanda Noventa

Foto: Amanda noventa

2. Las Palmas – Gran Canarias, Espanha

Las Palmas é um município espanhol localizado na ilha de Gran Canária. Tem um grande mix cultural de africanos, chineses e indianos além da tripulação dos navios que passam por lá.

Custo: US$1773

Foto: 1zoom.me

Foto: 1zoom.me

3. Puerto Viejo – Costa Rica

É conhecida por uma clima mais tranquilo e famosa pelo surf. Recentemente se tornou conhecida pelos turistas interessados na vida selvagem e ecoturismo do lugar.

Custo: US$1994/mês

Costa-rica-amanda-viaja

4. Taghazout – Marrocos

Uma cidade litorânea ao sul de Marrocos, tranquila e que já foi bastante conhecida pelos hippies. Hoje também é conhecida pelo surf.

Custo: US$1436/mês

5. Taipei – Taiwan

A cidade tem influências japonesa, chinesa e ocidental na sua comida, cultura e arte.

Custo: US$1302/mês

taipei-amanda-viaja

6. Hermosillo e Oaxaca – México

As duas cidades mexicanas estão no ranking. Dizem que Hermosillo não é um lugar bonito, mas tem uma vida cultural recheada de museus e natureza. E Oaxaca é uma das cidades mais interessantes do México pela sua arquitetura colonial, museus, tradições indígenas e mercados.

Custo Hermosillo: US$1151

Custo Oaxaca: US$1407

7. Florianópolis – Brasil

Floripa dispensa comentários para muitos brasileiros. Povo cativante, praias lindas e clima de ilha civilizada – a cidade parece perfeita para nômades digitais.

Custo: US$2002

Foto: Amanda Noventa

Foto: Amanda Noventa

8. Christchurch – Nova Zelândia

É conhecida como a mais inglesa de todas as cidades da Nova Zelândia. Hoje é uma cidade agitada e com o centro cheio de institutos de artes e jardins.

Custo: US$2150

Foto: E Samy

Foto: E Samy

9. Quito – Equador

É a capital e segunda maior cidade do Equador. Moderna e, ao mesmo tempo, cercada por montanhas que mantém o clima de lugar tranquilo.

Custo: US$969

equador-amanda-viaja

10. Córdoba – Argentina

É a cidade mais populosa da Argentina depois de Buenos Aires, com uma mistura de novo e antigo, estudantes e galerias de arte.

Custo: US$1085

Foto: EFE/NICOLAS AGUILERA

Foto: EFE/NICOLAS AGUILERA

Amanda escreve sobre viagens. Acompanhe o blog e suas aventuras através do Facebook em Amanda Viaja e do Instagram @amandanoventa.

 

Posts relacionados:

5 segredos que ninguém conta para ser feliz morando em outro país

Quer viver o sonho americano e trabalhar nos EUA? Veja as vantagens e desvantagens

5 sinais de que você precisa morar um tempo em outro país